Participantes > Apresentadores > Submissão de CYNTHIA ALVES FELIX DE SOUSA

Submissão de CYNTHIA ALVES FELIX DE SOUSA

1ª Submissão

IMPACTOS AMBIENTAIS URBANOS: UM ESTUDO DE CASO NO BAIRRO DO GROTÃO, EM JOÃO PESSOA-PB, BRASIL

Cynthia Alves Félix de Sousa; Juliana Cláudia Bezerra Campos; Bárbara Meira de Oliveira

Cada vez mais os impactos ambientais têm sido associados às atividades urbanas. Nesta realidade, conforme as cidades crescem, novos problemas ambientais de diversos tipos e origens evidenciam as carências urbanas em planejamento principalmente no que se refere a medidas de proteção ambiental. A cidade de João Pessoa, assim como diversas cidades brasileiras, se insere neste contexto de crescimento urbano aliado aos impactos ambientais, principalmente no que tange aos resíduos sólidos urbanos. Esta pesquisa se propôs a investigar os impactos ambientais urbanos associados à falta de saneamento ambiental no Bairro do Grotão, visando assim contribuir com estudos relativos à temática e medidas interventivas. Os resultados evidenciaram a necessidade de medidas de prevenção aos impactos ambientais decorrentes do despejo de resíduos sólidos e efluentes domésticos no bairro.

2ª Submissão

Espaços Livres Públicos e Proteção ambiental: Um estudo de caso sobre as praças públicas da zona sul da cidade de João Pessoa, PB.

Cynthia Alves Félix de Sousa; Saskya Valéria Nascimento de Carvalho Almeida; José Augusto Ribeiro da Silveira

Os Espaços Livres Públicos, especialmente as praças, além de importantes elementos da conjuntura morfológica e social da estrutura urbana, possuem relevância social e ambiental, sendo dotadas de valor paisagístico e também ecológico. Tendo em vista o exposto, esta pesquisa se propõe a realizar reflexões acerca da temática, a partir de um estudo de caso sobre as praças públicas enquadradas no contexto da proteção ambiental, na zona sul de João Pessoa, Paraíba. A metodologia de análise baseou-se essencialmente nos princípios teóricos e analíticos contemplados na legislação ambiental e urbanística em vigor, seguida de reflexões pertinentes as necessidades elencadas para que medidas de proteção e conservação ambiental sejam efetivadas. Tendo como base os resultados alcançados foi possível verificar que as praças públicas da área de estudo apresentaram rastros de maus usos, refletidos na sua degradação, evidenciando a necessidade de medidas de proteção ambiental, mais eficientes e eficazes.

3ª Submissão

Espraiamento urbano e os impactos ambientais dos resíduos sólidos na Bacia Hidrográfica do Rio Gramame, em João Pessoa-PB

Cynthia Alves Félix de Sousa ; Milena Dutra da Silva; José Augusto Ribeiro da Silveira

A urbanização das cidades, tanto na esfera global como nacional tem sido associada a problemas socioeconômicos e ambientais como, por exemplo, a redução dos espaços verdes e principalmente a poluição ambiental. Conforme ocorreu a urbanização, o constante crescimento populacional foi acompanhado pela produção incessante de resíduos, gerando diversos impactos ambientais, devido em parte a sua inadequada disposição. Estas questões relativas ao crescimento urbano e os impactos ambientais tem se constituído em um desafio às cidades, tornando-se cada vez mais relevantes as discussões acerca da necessidade de medidas que promovam sustentabilidade nos processos de desenvolvimento das cidades. A urbanização de João Pessoa, PB, se deu de maneira rápida e espraiada, direcionada para o sul do município, caracterizada pelos grandes espaços naturais necessários a qualidade ambiental, como por exemplo, a Bacia do Rio Gramame. Esta pesquisa objetivou diagnosticar os impactos ambientais urbanos provocados pelos resíduos sólidos urbanos na Bacia Hidrográfica do Rio Gramame, em João Pessoa-PB. Para tanto, realizou-se um levantamento dos impactos ambientais seguido da espacialização dos pontos de despejo de resíduos na área de estudo. Os resultados alcançados possibilitaram a geração de reflexões acerca do modelo de crescimento urbano da cidade na direção da Bacia Hidrográfica do Rio Gramame, bem como as carências nos sistemas de saneamento urbano e políticas de proteção ambiental.

Acessos no Site
1608902
© 2003 Associação Amigos da Natureza da Alta Paulista - Todos os direitos reservados